Sem tempo nem lugar

CATALOGO EXPO15-1

De 08/06/2017 a 22/06/2017 .

Mais importante do que aquilo que se vê é o que na realidade se sente.

Foi este sentimento interior que tentámos transmitir nestes trabalhos que aqui hoje apresentamos , procurando não “dizer” demais nem de menos.

Serão assim paisagens incógnitas como lhes chamou o Prof. Rocha de Sousa, acrescentando : “pertencem mais ,com efeito, ao domínio do olhar superado que se deixa conduzir por românticas enseadas, por longos horizontes cuja subtil linha falsamente terminal é apenas um espaço com limites difíceis de determinar “.

Será talvez um  “não espaço” , serão paisagens incógnitas ou mesmo

melancólicas, que não pertencem a lugar nenhum.

Paraísos silenciosos “da nossa aspiração remota ao absoluto“, evocação de memórias sem tempo nem espaço.

Procurámos dar-lhes uma alma e partilhar com quem os olha a nossa relação com o mundo.

This entry was posted in . Bookmark the permalink.